GLOSSÁRIO

Novo cliente? Adira hoje mesmo!

GLOSSÁRIO

Exigências para Ativos: De forma a qualificar-se para qualquer bónus do Plano de Compensação de Vendas, deve obter 100 PSV e efetuar cinco vendas a retalho por mês.

 

ADR: : Escolha entre uma entrega automática de produtos NSE ou uma doação mensal para o programa Nourish the Children® e receba interessantes   recompensas pela sua lealdade.

 

Executivo Intermédio: Distribuidor que cumpriu a sua Qualificação para Executivo e se desligou dos seus níveis superiores, o que significa que o volume de vendas do novo Executivo e do seu Grupo de Círculo já não conta para o GSV dos níveis superiores. Quando tal acontece, o Executivo de nível superior pode qualificar-se para receber o Bónus Intermédio sobre o GSV do seu novo Executivo Intermédio. Para reaver um Executivo Intermédio, a data de qualificação do Executivo de nível superior deve ser anterior ou igual à data de passagem do Executivo Intermédio.

 

BEB: O Bónus Executivo Intermédio é um bónus que oferece até 5% de rendimentos sobre o volume de vendas de cada geração com base no número total de Executivos Intermédios G1 (consultar tabela no Passo 3). Para receber um Bónus Intermédio de 5%, deverá conseguir pelo menos 3000 GSV. Se o GSV se encontra entre 2.000 e 2.999, o Bónus Intermédio será de 2,5% sobre o GSV dos Executivos Intermédios G1 até G6 desse mês.

 

Círculo de Grupo: Para não-Executivos, o Círculo de Grupo é composto por todos os Clientes de Retalho, Clientes Preferidos e Distribuidores. Para Executivos, o Círculo de Grupo inclui todos os Clientes de Retalho, Clientes Preferidos, Distribuidores e Executivos em Qualificação.

 

Comissão: O montante recebido com base nas  vendas de produtos.


CSV: Valor de Vendas Comissionável:
O valor mensal dos produtos e serviços comissionáveis comprados à Companhia sobre os quais serão calculados os bónus e comissões previstos no plano de compensação de vendas. O CSV é igual ao preço de revenda de um produto ou serviço, deduzido de quaisquer descontos (que podem incluir taxas, Pagamentos de Inicialização Rápida, ADR ou descontos online). As exigências de qualificação são baseadas no PSV e GSV.

 

DBLG1: Bónus Duplo G1 é um bónus que oferece 10% de rendimentos sobre o GSV total dos Executivos G1. Para receber um Bónus Duplo G1 de 10%, o Executivo deve conseguir pelo menos 3000 GSV. Este bónus apenas é pago de acordo com o cálculo do Maximizador de Volume se contribuir para o valor mais alto das duas alternativas.

 

DEXEC: Executivo Despromovido é um Executivo que não conseguiu manter os requisitos de Executivo e que está prestes a ser despromovido para Distribuidor. Isto acontece normalmente se o estatuto de Executivo Provisório já tiver sido utilizado durante o nível de Executivo.

 

EB: O Bónus de Executivo é um bónus mensal sobre o seu GSV total. Os Bónus de Executivo variam entre 9% e 15%, dependendo do GSV total atingido. As percentagens são pagas a partir do CSV total do seu Grupo de Círculo.

 

EEB: O Bónus de Executivo Extra é um bónus que oferece 5% de rendimentos adicionais sobre o CSV do seu grupo de círculo. Para receber este Bónus de Executivo Extra de 5%, o Executivo deve conseguir pelo menos 3000 GSV (consultar tabela no Passo 3). Este bónus apenas é pago de acordo com o cálculo do Maximizador de Volume se contribuir para o valor mais alto das duas alternativas.

 

Reentrada de Executivos: Processo pelo qual os Executivos que desceram de nível percorrem o processo de qualificação novamente e voltam a conseguir o estatuto de Executivo. Se um ex-Executivo seguir o processo de qualificação e passar a Executivo de novo dentro de um período de seis meses após ter passado a Distribuidor, ser-lhe-ão “devolvidos” os seus Executivos Intermédios. Embora o processo de qualificação possa ser feito tantas vezes quanto necessário, a opção de voltar a receber a sua organização de Intermédios só está disponível durante os primeiros seis após ter passado a Distribuidor.

 

Pagamento de Inicialização Rápida: O Pagamento de Inicialização Rápida é ganho através da venda de Pacotes de Produtos de Inicialização Rápida, aprovados pela companhia, a novos Clientes e Distribuidores.

 

G1: A Geração 1 refere-se à sua primeira geração de Executivos Intermédios.

 

GSV: Volume de Vendas de Grupo representa o PSV total no seu Grupo de Círculo, incluindo o seu próprio PSV, para um mês específico.

 

LOI: Carta de Intenção é uma carta que mostra a intenção de um Distribuidor de se tornar Executivo. O Distribuidor deve consultar o V&G Navigator. Aí poderá apresentar a sua intenção de participar noprograma de qualificação para Executivos depois de cumprir as exigências do Mês 1 (denominado  Mês LOI). Durante o seu primeiro mês de Qualificação para Executivo, o Distribuidor também é frequentemente chamado “LOI”. Um LOI não é equivalente a um Executivo em Qualificação (Q1, Q2), embora ambos se estejam a qualificar para passar a Executivos. Caso um distribuidor já tenha sido Executivo em Qualificação anteriormente e deseje iniciar a qualificação para Executivo novamente, deve apresentar uma LOI formal à companhia.

 

L1: O Nível 1 inclui todas as contas atualmente patrocinadas por um Distribuidor, independentemente do seu título

 

Bónus de Nível 1 (L1): Um bónus de 5% pago com base no PSV de todas as contas patrocinadas pessoalmente. O Bónus L1 apenas é pago aos Distribuidores que cumprem as Exigências em termos de Atividade. O Bónus L1 apenas é pago aos Distribuidores que cumprem as Exigências em termos de Atividade.

 

Mês de Diferimento de Título: Se um Executivo não conseguir cumprir as Exigências de Manutenção de Título Executivo, poderá ter um mês de diferimento e manter o seu estatuto de Executivo. Cada Executivo tem direito a um mês de diferimento por cada período de 12 meses. Por exemplo, se o Executivo goza de um mês de diferimento em Maio, só poderá voltar a utilizar este meio novamente em Maio do ano seguinte. Os bónus de Executivo não serão pagos durante um mês de diferimento. Um Executivo pode ganhar o bónus L1 durante um mês de diferimento se cumprir as Exigências mínimas de Atividade.

 

Cliente Preferido: Um Cliente Preferido é um não-Distribuidor que pode comprar produtos da companhia a preços com desconto.

 

PSV: O Volume Pessoal de Vendas é o valor de pontos mensal de produtos e serviços adquiridos por si à companhia para venda a retalho ou consumo pessoal. O PSV inclui pontos de compras efetuadas diretamente junto da Companhia pelos seus clientes pessoais de retalho.

 

PEXEC: Executivo Provisório é um Executivo que não conseguiu cumprir as suas exigências de manutenção e que já utilizou o seu Mês de Diferimento. Um PEXEC mantém todos os seus Executivos Intermédios e continua a contar como Executivo Intermédio para os seus Executivos de nível superior. O GSV de um PEXEC não é incluído no GSV dos seus Executivos de nível superior. Um Executivo pode ser PEXEC durante três meses consecutivos. Se um PEXEC cumprir as Exigências de Manutenção de Título Executivo, será imediatamente promovido a Executivo no mês em que cumprir as exigências.

 

QEXEC: Um Executivo em Qualificação (Q1, Q2) é um Distribuidor que concluiu com o sucesso o seu primeiro mês de qualificação para Executivo (o chamado mês LOI) e que se pode agora qualificar como Distribuidor Executivo para a NSE (consultar tabela no Passo 2 para mais detalhes sobre as exigências mensais).

 

Cliente de Retalho: Um Cliente de Retalho é um não-Distribuidor que pode comprar produtos a um Distribuidor ou à Companhia a preços de retalho. O volume de compras de produtos efetuadas à companhia por clientes de retalho atribuído a uma conta de Distribuidor conta para o PSV do patrocinador.

 

Executivo Intermédio “Roll-up”: Um Executivo Intermédio em G1–G6 que, devido ao facto de o seu Executivo de nível superior não ter conseguido manter o seu estatuto de Executivo, passa para o seguinte Executivo de nível superior elegível. Para reaver um Executivo Intermédio, a data de qualificação do Executivo de nível superior deve ser anterior ou igual à data de passagem do Executivo Intermédio.

 

GSV “Roll-up”: Quando um Executivo Intermédio de primeiro nível (G1) desce para Distribuidor, o GSV desse Executivo Intermédio passa para o GSV do seu Executivo de nível superior. A parte do GSV proveniente de Executivos Intermédios que desceram de nível, é chamada GSV “roll-up”. Isto apenas é aplicável a Executivos de nível superior que têm Executivos Intermédios em mercados que não participam no programa PEXEC. O GSV de DEXECs não passa para outros até ao mês seguinte quando o seu título for Distribuidor.

 

Patrocinador: Um Distribuidor que recruta pessoalmente outro Distribuidor ou Cliente Preferido para entrar no seu L1.

 

Maximizador de Níveis: Um componente de cálculo de bónus do Plano de Compensação de Vendas que automaticamente paga o mais alto de dois cálculos de bónus alternativos: Maximizador de Volume (incluindo Bónus de Executivo Extra + Bónus Duplo G1) OU Maximizador de Níveis (incluindo Bónus de Executivo Extra).

 

Notas: 

• A qualificação para todos os bónus pressupõe a venda a retalho a mais de cinco pessoas mensalmente. Deverá manter todos os registos de vendas a retalho durante pelo menos quatro anos.

• A companhia verifica, ao acaso, se as vendas a retalho são efetuadas de acordo com as exigências da companhia.

• Cada compra efetuada através de encomendas ADR conta automaticamente mensalmente para as exigências de vendas a retalho.

• O recrutamento nunca dá direito a bónus. A única forma de conseguir obter bónus é através da venda de produtos.

• Todos os bónus são calculados mensalmente e depositados aproximadamente no dia 25 do mês seguinte.

Junte-se à Nu Skin Torne-se um distribuidor